Já definiu quem vai celebrar o seu casamento? Logo que conheci a celebrante de casamento Babi Nascimento me identifiquei imensamente com ela e seu amor por cerimônias de casamento. Cerimônias de casamento são nossa paixão. Nela, noivos e noivas celebram o amor que vivem, a história que criaram juntos, a mensagem que carregam, o sim ao futuro de mãos dadas, os sonhos compartilhados, as promessas trocadas e a reunião das pessoas que mais amam. Elas são carregadas de boas energias e emoção, encontros e reencontros, sorrisos e abraços, olhares apaixonados e lágrimas de felicidade. 

Levando em consideração que cada par percorre um caminho diferente até o altar e que esse momento ficará na memórias do casal e dos convidados, o que você acha da ideia de contratar um profissional que crie discursos personalizados e conduza a cerimônia sem regras pré-determinadas? 

Por isso convidei a Babi Nascimento para reunir oito motivos para você optar por um celebrante e tornar a cerimônia do seu casamento inesquecível.  Confira tudo aqui embaixo!

 

Rafael Canuto Fotografia

  1. Cerimônias com significado

Acredito que todo casal carrega características especiais e inspiradoras. A cerimônia do casamento é a ocasião ideal para transmitir essa mensagem à comunidade da qual os noivos fazem parte. Um bom profissional celebrante de casamento terá as ferramentas certas para assimilar a essência e os valores do casal bem como criar uma experiência única e transformadora para todos os presentes. Como diria o escritor francês Victor Hugo, “as palavras têm a leveza do vento e a força da tempestade”

 

Marina Maeda Fotografia

  1. Discursos personalizados

Toda história de amor representa uma equação única entre indivíduos diferentes. Por isso, todo casal que deseja festejar a união com uma festa de casamento merece uma cerimônia singular, feita sob medida e memorável. 

Meses antes do evento, os celebrantes conversam com os noivos para conhecer a história deles e assimilar detalhes importantes. Dessa forma, podem imprimir autenticidade  e a identidade do casal no discurso.

 

18 Elementos

  1. Liberdade para conversar com o profissional

Ao contratar um celebrante social é possível ter uma conversa aberta sobre o que você espera da cerimônia, assim como o que você não quer que aconteça. 

Vocês desejam uma cerimônia mais romântica ou descolada? Vão homenagear avós? Tudo bem falar de seus pais como exemplos de casais inspiradores? Querem que o profissional converse com alguém importante para a relação? Convidaram alguém para fazer a bênção das alianças? Melhor ocultar parte da história durante o discurso? Digam tudo isso e o que mais acharem relevante ao profissional que contratarem para que ele esteja ciente das particularidades da relação e também das configurações familiares. 

A cerimônia deve representar o sonho dos noivos. Mas para que isso aconteça tudo deve ser conversado nos pormenores e com muita franqueza. Não deixe nada subentendido e chegue ao seu casamento seguro de que será um lindo dia.

 

Pryscila Colasso

  1. Respeito aos valores, crenças e amor do casal 

Ateus, umbandistas, cristão, judeus, muçulmanos, candomblecistas, agnósticos, espíritas… Não importa se você segue uma religião específica, tem uma fé diferente de seu amor ou não acredita em divindades, você pode ter uma cerimônia de casamento inesquecível e linda, sim. O mesmo vale para casais LGBTQIA+ que, infelizmente, ainda não podem se casar em muitas religiões.

Para garantir que sua fé ou sua condição seja respeitada converse com o celebrante ou a celebrante antes de fechar o contrato. Faça perguntas, sane suas dúvidas e tenha a certeza de que escolheram a pessoa ideal para celebrar o amor de vocês. 

 

Jeff Münchow

  1. Você pode escolher um ritual para compor a cerimônia

Se vocês gostam de fugir das convenções, essa é a chance! Provavelmente, você já ouviu falar das cerimônias das areias, da quebra das taças ou das velas. Mas muitos outros rituais podem ser incorporados à cerimônia do casamento; vocês podem criar algo novo, inclusive. O importante é que os símbolos façam sentido para a história e conceitos do casal. 

Casamento é sobre a união de dois (ou duas). Portanto, discutam sobre cada uma das escolhas que tomarem. É muito importante que o casal esteja alinhado e fique satisfeito com o que acontecerá nesse momento tão importante da vida a dois. 

 

Jeff Münchow

  1. Convidados surpreendidos positivamente

Se a família de vocês fazem a linha mais tradicional, provavelmente serão muito questionados ao anunciarem que não terá um padre ou um pastor ou qualquer líder religioso ou mesmo um juiz de paz para proclamar o casamento. Mas confiem em mim: essas pessoas serão as mais surpreendidas positivamente e, provavelmente, as que mais elogiarão a cerimônia. 

O diferente causa temor para muitos, mas uma condução feita com carinho, profissionalismo e respeito rompe conceitos pré-estabelecidos e impacta os convidados de um jeito muito bonito. 

O avô de uma amiga perguntou a ela a qual religião tão bonita eu pertencia porque ele ficou encantado com o que eu disse no casamento. Detalhe: a cerimônia não teve nenhum tipo de teor religioso. Tem recompensa maior do que essa? Levar a mensagem do amor para fiéis de todo tipo? 

 

18 Elementos

  1. Praticidade

Cerimônia e festa realizadas no mesmo espaço. Vocês ainda têm a possibilidade de escolher um cenário incrível, como praia, fazenda, campo ou alto de um prédio.

 

Jeff Münchow

  1. A memória do casamento e o tom da festa

O que é dito na cerimônia é ecoado no coração de quem faz parte dela: noivos, pais, padrinhos, amigos e familiares. Ela dá o clima da festa. Ou seja, todos chegarão à festa carregados daquilo que fora propagado no momento um, dito pelo celebrante em suas palavras ou pelos noivos durante os votos. 

Depois que a festa acabar também serão essas palavras que ficarão na memória de todos e no vídeo do casamento. Por isso, é muito importante selecionar com cautela quem celebrará essa união e a festa que vocês planejaram com tanto carinho. 

Priorizar a cerimônia é valorizar a história de vocês, transcender a experiência do coletivo (noivos e convidados) e investir na memória de um dia tão especial.

Depois de escolher um celebrante que tenha a ver com vocês e lhes transmita confiança, assinar o contrato, tirar as dúvidas e alinhar as expectativas, prepare os lencinhos para as lágrimas de alegria. 


Impossível não se apaixonar por cerimônias personalizadas, concordam?

Aproveitem para acompanhar o trabalho da Celebrante Babi Nascimento de pertinho e se inspirarem com as lindas e emocionantes cerimônias de casamento  que ela celebra!

Website | Facebook | Instagram

Foto capa: Rafael Canuto Fotografia


COMPARTILHE:
COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode também